Morfologia

Morfologia de caule

Diferentemente da raiz o sistema caulinar apresenta nós e entrenós, com uma ou mais folhas unidas em cada nó. Seu ápice produz folhas e gemas axilares as quais se desenvolvem em sistemas caulinares laterias, também chamados de ramos.

Morfologia do sistema caulinar 
Morfologia do sistema caulinar
Detalhes do caule
Detalhes do caule

Nesse sentido as duas principais funções associadas aos caules são suporte e condução. As folhas são sustentadas pelo caule, o qual as coloca em posições favoráveis para exposição à luz. As substâncias produzidas nas folhas são transportadas para baixo pelo floema do caule par os sítios onde são necessárias, tais como regiões em desenvolvimento da planta e tecidos de armazenamento de caule e raízes. Ao mesmo tempo a água e os nutrientes minerais são transportados ascendentemente das raízes para as folhas pelo xilema do caule.

De acordo com o ambiente em que se apresentam os caule são classificados em subterrâneos, aéreos e aquáticos.
Entre os caules aéreos, os mais conhecidos são:

  • tronco – caule ramificado, resistente e lenhoso, típico das plantas arbóreas; ocorre nos eucaliptos, abacateiros, etc.;
  • estipe – caule cilíndrico, sem ramos e dotado de folhas situadas no ápice, como nas palmeiras;
  • colmo– caule com nós nítidos e entre nós, formando os populares gomos, como no bambu e na cana-de-açúcar;
  • haste –  caule delicado e flexível, comum em plantas herbáceas.

Entre os caules subterrâneos, destacam-se:

  • tubérculo – caules que armazenam substâncias nutritivas, como a batata inglesa; os populares “olhos” da batata são gemas laterais, fato que determina sua natureza caulinar;
  • rizoma – caule alongado sbuterrâneo que normalmente se desenvolve de maneira paralela à superfície terreste; ocorre, por exemplo, nas samambaias e nas bananeiras;
  • bulbo – ocorre em plantas como a cebola e o alho. No bulbo da cebola, o caule propiamente dito corresponde a uma região chamada de prato, de onde partem as raízes e um conjunto de folhas modificadas denominadas catáfilos; alguns desses catáfilos, os mais extensos, são desidratados; os mais internos acumulam substâncias nutritivas e constituem a porção comestível da cebola.
Classificação de caule
Classificação de caule
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s